8 Estratégias para atrair mais clientes para a sua Imobiliária

Blog / Empresas / 8 Estratégias para atrair mais clientes para a sua Imobiliária
8 Estratégias para atrair mais clientes para a sua Imobiliária

Tem uma agência imobiliária e quer atrair mais clientes? Estas são as 8 estratégias que deve seguir no seu negócio.

O mercado do imobiliário tem sofrido algumas alterações em Portugal e Lisboa está entre as 10 cidades europeias mais atrativas para investimento imobiliário, segundo o EMEA Investor Intentions Survey 2021.

Este é um setor de atividade bastante concorrido e, neste momento, é liderado por alguns franchisings de agências imobiliárias, que dinamizam o mercado, obrigando a que as empresas imobiliárias tenham de adaptar as suas estratégias de atração e retenção de clientes, de modo a ajustar-se à procura e oferta do mercado.

Tem uma empresa imobiliária e não sabe como atrair mais clientes para o seu negócio?

Anote estas 8 estratégias e siga-as para atrair clientes para a sua agência imobiliária!

1. Plataforma online própria

Nos dias que correm, é imprescindível que as agências imobiliárias tenham um site ou blog próprio, onde os clientes possam conhecer a empresa, aceder aos contactos dos agentes e aceder a todos os imóveis em comercialização, através de uma pesquisa e navegação intuitivas e responsivas, adaptadas a qualquer tipo de device e ecrã.

Este tipo de plataforma é uma excelente ferramenta de marketing de conteúdo, através da construção de conteúdos relevantes, de qualidade e do interesse do seu público (dicas, imagens, vídeos e entre outros), otimizados ao nível de SEO e SEA, para que tenha um grande impacto na posição nos primeiros resultados de pesquisa do Google.

Pode, ainda, aproveitar esta plataforma para criar estratégias de captação de leads, através de disponibilização de formulários, download de alguns materiais e outro tipo de conteúdos, em troca de algumas informações de contato, como e-mail ou telefone, que podem ser utilizados para algumas campanhas de atração e captação.

2. Redes sociais

Hoje em dia, as redes sociais são um dos principais canais de comunicação, para quem pretende criar uma boa estratégia de marketing, no setor do imobiliário.

Crie um perfil profissional no Facebook, Instagram e no Tik Tok, com o objetivo de estabelecer uma comunidade forte de potenciais e atuais clientes, com quem pode partilhar fotos e vídeos dos imóveis que tem para venda e arrendamento. Também pode, e deve, partilhar dicas de como comprar e alugar casa, como procurar os melhores empréstimos e outro tipo de conteúdo de interesse - pode utilizar, por exemplo, o Google Trends para perceber em quais tópicos deve investir no momento.

Deve ter uma estratégia consistente e organizada, através de um planeamento de posts ajustado com o interesse dos seus seguidores e potenciais seguidores, para que exista um maior engagement, ou seja, para que as pessoas se identifiquem e partilhem os seus conteúdos.

No Facebook pode, ainda, participar em grupos exclusivos para a compra e venda de imóveis, onde estão presentes potenciais clientes.

A rede social LinkedIn pode ser uma boa opção para mostrar os serviços da sua empresa, alguns dos seus contributos e projetos, partilhar algumas dicas e outro tipo de conteúdo,  sempre numa vertente mais profissional, como “argumentos para angariar imóveis” ou “frases para angariar clientes”. Não é a plataforma ideal para anunciar imóveis, mas para evidenciar as suas competências profissionais, ajudando na criação de uma imagem de confiança por parte dos seus seguidores.

3 . Eventos e feiras

Normalmente, as empresas imobiliárias focam-se em angariar 2 grandes grupos de clientes: os clientes que querem vender a sua casa e os clientes que estão à procura de casa para comprar ou arrendar. Deste modo, é fulcral estar presente em eventos que impactem ambos.

Existem muitos eventos ligados ao setor imobiliário, construção civil, arquitetura e design em Portugal, onde é importante marcar presença, de modo a criar parcerias estratégicas, quer com clientes proprietários para gerar um portfólio de imóveis para venda, como com clientes compradores ou arrendatários para divulgar esse portfólio.

Pode, ainda, oferecer condições exclusivas a quem fechar negócio consigo no evento, como forma de atração e possível retenção.

4. Investimento em tecnologia

Atualmente, grande parte das pessoas pesquisa por imóveis online, uma vez que é uma forma segura, rápida e completa de ver e comparar várias opções de imóveis.

Posto isto, além de um website próprio e redes sociais, é fulcral estar presente em plataformas online - como o Imovirtual, Idealista ou Casa Sapo -, e apostar num software imobiliário que lhe permita fazer a gestão e a atualização dos imóveis no seu site e nestas plataformas externas de forma centralizada. Desta forma, irá chegar até mais pessoas e proporcionar uma boa experiência aos utilizadores, através de uma carteira de imóveis diversificada e atualizada, onde é possível realizar uma pesquisa online com filtros personalizados, ver imagens e vídeos com qualidade e conhecer as características do imóvel.

Pode, também, fazer sentido criar uma experiência de valor acrescentado, com a oferta de serviços complementares e um bom apoio ao cliente, feito de forma digital. Por exemplo, pode oferecer um serviço de apoio online por chat e/ou chatbot para responder a questões mais rápidas e simples.

5. Networking

A atividade imobiliária requer uma grande rede de contactos e parcerias estratégicas, entre empresas do setor e de setores de mercado complementares. Por exemplo, se criar parcerias com empresas construtoras civis, os imóveis podem ser vendidos pela sua imobiliária diretamente, mesmo antes de estarem completamente construídos. Adicionalmente, este parceiro pode recomendar os seus serviços aos clientes e vice-versa, criando uma relação de win-win.

O mesmo pode acontecer ao criar parcerias com cartórios ou escritórios de contabilidade e advocacia, por exemplo. Invista na comunicação dos seus serviços e nas suas relações.

6. Publicidade paga

Depois de construir uma estratégia forte nos seus canais próprios, como website/blog e redes sociais, pode fazer sentido investir em campanhas digitais, através de publicidade paga.

O Facebook Ads tem funcionalidades que permitem uma segmentação personalizada do público-alvo por interesse, idade, região e outras características relevantes, permitindo que a sua agência imobiliária consiga, mais facilmente, impactar possíveis interessados nos seus serviços e produtos. Através do Instagram, consegue também investir em publicidade paga, embora não tenha uma segmentação tão personalizada.

Adicionalmente, se tiver um website ou outro tipo de plataforma online otimizada ao nível de SEO, pode investir em publicidade paga no Google AdWords. Através desta ferramenta, é possível selecionar algumas palavras-chave e pagar para que, quando os utilizadores pesquisarem na plataforma Google por, por exemplo, “casa” a sua imobiliária apareça nas primeiras posições de pesquisa.

7. E-mail Marketing

Uma das melhores estratégias para atrair novos clientes é disponibilizar nas suas plataformas digitais meios de recolha de contactos dos seus clientes, como e-books ou outro tipo de conteúdos exclusivos, através do preenchimento de um formulário para o efeito.

Através dessas informações, as imobiliárias podem estudar o perfil de consumo e interesses desses utilizadores, preparando materiais personalizados aos seus objetivos e necessidades, para depois enviá-los aos clientes por e-mail, de forma a converter uma lead num potencial cliente. No entanto, algo que deve sempre manter em todos os e-mails são os seus contactos e informações da empresa.

Através desta estratégia de e-mail marketing, consegue atrair novos clientes, reter outros e analisar o impacto que esta ferramenta tem no seu comportamento, verificando se leem os materiais e quais os seus maiores pontos de interesse, de modo a criar um plano de ação.

8. Acompanhe feedbacks

Por fim, se pretende atrair mais clientes para a sua imobiliária, em primeira instância, deve analisar o seu negócio, o padrão de consumo e necessidades dos seus clientes, através de questionários de avaliação de feedback.

Pode utilizar o Net Promoter Score (NPS), que é um sistema de pontuação de 0-10, que demonstra o nível de satisfação do público-alvo em relação aos produtos e serviços da imobiliária, através de perguntas específicas. Com base nestas informações, a empresa poderá melhorar os seus processos para captar novos clientes e fomentar a relação com os existentes.

Agora que já conhece estas dicas, está na hora de as aplicar ao seu negócio imobiliário e analisar o impacto que podem vir a ter no seu sucesso e atração de novos clientes. No entanto, deve considerá-las apenas quando já tiver um projeto sólido e bem otimizado - saiba como abrir uma Agência Imobiliária.

Achou o artigo interessante?

Software de Faturação e POS desde 4.99€/mês sem limites.
30 Dias Gratuitos sem compromisso!

Sobre o Vendus

O Vendus é um programa de facturação certificado online que permite gerir uma loja em qualquer lugar pois funciona 100% na cloud. Como é um software POS online, permite faturar em segundos num restaurante, bar, cabeleireiro ou qualquer outro tipo de comércio.