FBC

Quais os Impostos a Pagar em Maio de 2018?

Quais os Impostos a Pagar em Maio de 2018?

Impostos a pagar até 10 de Maio

Pagamento do IVA Mensal
Sujeitos com regime normal de IVA mensal devem proceder ao pagamento do imposto apurado na declaração respeitante a fevereiro. Este pagamento pode ser feito através dos balcões das Finanças ou CTT e ainda através do multibanco (para valores inferiores a 100 mil euros).

Impostos a pagar até 15 de Maio

Pagamento do IVA Trimestral
Sujeitos com regime normal de IVA trimestral, devem proceder ao pagamento do imposto apurado na declaração relativa ao 1º trimestre do ano. Este pagamento pode ser feito através dos balcões das finanças ou CTT e ainda através do multibanco.

Impostos a pagar até 21 de Maio

Pagamento de IRS
Referente aos valores retidos na fonte durante o mês de abril, no caso de pessoas singulares.

Pagamento de IRC
Pagamento dos valores retidos no mês anterior, para efeitos de Imposto sobre o Rendimento das Pessoas Coletivas.

Pagamento de Imposto de Selo
É necessário apresentar até dia 20 os valores liquidados de imposto de selo, referentes ao mês anterior. Também devem ser pagas nesta data as importâncias liquidadas nos termos da verba 29 da Tabela Geral do Imposto de Selo (referente ao trimestre anterior).

Pagamento de IVA
Pagamento de imposto sobre o valor acrescentado pelos sujeitos passivos abrangidos pelo regime especial dos pequenos retalhistas.

Pagamento de Contribuições (Segurança Social)
Os trabalhadores independentes devem proceder ao pagamento das contribuições para a Segurança Social até ao dia 20 de maio.

Impostos a pagar até 30 de Maio

Pagamento de IUC
Os detentores de veículos matriculados no mês de maio devem fazer o pagamento anual do imposto único de circulação.

Pagamento IRC
Empresas com período de tributação coincidente com o ano civil, devem proceder ao pagamento do imposto sobre o rendimento de pessoas coletivas.

Durante o mês de maio também é possível proceder a pagamentos relativos a determinadas atividades específicas:

  • Contribuição sobre o Setor Bancário - pagamento desde fevereiro e com prazo limite o dia 2 de julho;
  • Contribuição Extraordinária do Setor Energético - até 20 de dezembro, pelas pessoas singulares ou coletivas que exerçam atividades no setor energético.

Para mais esclarecimentos consulte o Portal das Finanças. A Autoridade Tributária disponibiliza um documento com todas as Obrigações de Pagamento em 2018.

    Veja também:

    O Vendus é fácil e intuitivo. Além disso não existe qualquer compromisso ou fidelização.
    Tânia Ribas
    Experimentar Grátis


    Software de Facturação POS por € 10/mês sem limites.

    30 Dias Gratuitos sem compromisso. Utilize o seu computador e impressora atuais!

    Experimente 30 Dias Grátis