FBC

O que é uma Fatura Simplificada?

O que é uma Fatura Simplificada?

A Fatura Simplificada é um documento semelhante ao anterior talão de venda ou venda a dinheiro, podendo substituir a fatura em condições específicas. É um documento autoliquidado, ou seja, quando emitido é considerado automaticamente pago. Normalmente é o tipo de fatura utilizado por negócios de retalho e restauração, pois não é obrigatório preencher todos os dados. Por exemplo, nif e nome do destinatário dos bens ou serviços. Só é possível emitir uma fatura simplificada se forem cumpridas as seguintes condições:

  • Operações realizadas em território nacional;
  • Venda de bens por parte de retalhistas/vendedores ambulantes a um consumidor final, não sujeito passivo de IVA;
  • O montante total da transação de um bem não pode ser superior a 1.000€;
  • O montante total da prestação de um serviço não pode ser superior a 100€.

 

Diferenças entre Fatura Simplificada e Fatura

Apesar de terem vários pontos em comum, a fatura simplificada e a fatura apresentam algumas diferenças:

  • A fatura simplificada só pode ser emitida até 1000€ (no caso de produtos) ou 100€ (serviços). Numa fatura não existe um valor limite para uma venda ou prestação de serviços;
  • Na fatura simplificada não é obrigatório inserir os dados do cliente, embora possam ser incluidos caso solicitado. Numa fatura, sempre que uma transação envolva um consumidor final com valor superior a 1000€, é obrigatório incluir o nif e nome do cliente;
  • Uma fatura simplificada só pode ser emitida no momento da compra ou aquisição. Uma fatura pode ser emitida numa data diferente do fornecimento dos bens ou dos serviços;
  • Não é possível emitir uma fatura simplificada para transações isentas de IVA ou outro regime especial. Deve emitir-se uma fatura obrigatoriamente;
  • Uma fatura simplificada não é válida como guia de transporte pois não disponibiliza dados sobre o local de carga e descarga. Por sua vez, uma fatura serve como guia de transporte.

    Elementos de Fatura Simplificada

    A fatura simplificada deve conter obrigatoriamente os seguintes elementos:

    • Data da operação;
    • Denominação social do fornecedor dos bens ou prestador dos serviços;
    • Número de identificação fiscal do fornecedor dos bens ou prestador dos serviços;
    • Nome e quantidade dos bens transacionados ou serviços prestados;
    • Preço líquido, taxas aplicáveis e o montante de imposto devido, ou o preço com a inclusão do imposto e a taxa/taxas aplicáveis.

    "Anular" Faturas

    Caso seja necessário corrigir uma fatura o procedimento recomendado pela Autoridade Tributária é a emissão de uma nota de crédito.

     

      Veja também:

      O Vendus é fácil e intuitivo. Além disso não existe qualquer compromisso ou fidelização.
      Tânia Ribas
      Experimentar Grátis


      Software de Facturação POS por € 10/mês sem limites.

      30 Dias Gratuitos sem compromisso. Utilize o seu computador e impressora atuais!

      Experimente 30 Dias Grátis